23/03/2017 19:30

Canjerê Mulher – Corpo Fala!

O MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal, em parceria com o Instituto Cultural Casarão das Artes, oferece o Canjerê Mulher – Corpo Fala!, que está em sua quarta edição, no dia 23 de março, às 19h30, com performance da dançarina Suelen Sampaio, e uma roda de conversa com ela e com o artista plástico e pesquisador, Marcial Ávila.

A proposta é celebrar o Dia Internacional da Mulher, enfatizando a cultura e a arte da mulher negra, e trará uma reflexão acerca do cenário sobre as relações étnico-raciais no Brasil, alinhada também com o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, que se celebra no dia 21 de Março.

Marcial Ávila é natural da cidade de Diamantina (MG). Formado em Artes Plásticas pela Escola Guignard, da Universidade Estadual de Minas Gerais, com especialização em escultura e desenho, Ávila é pós-graduado em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros pela PUC Minas. Como artista plástico, tem obras espalhadas por vários países como França, Irlanda, Espanha, Itália, Estados Unidos, Argentina, Japão e Colômbia. Participou de vários leilões em todo o país. Tem participação em mais de 150 livros, dentre eles obras técnicas, artísticas, didáticas e literárias, sendo que a maior parte refere-se à temática racial. É citado como referência por duas grandes editoras, em livros de história geral do país.  Montou dezenas de figurinos para espetáculos e exposições de arte. É Presidente do Instituto Cultural Casarão das Artes, em Belo Horizonte.

Suelen Sampaio tem 22 anos, tendo se iniciado na dança aos 13 anos, no grupo evangélico Ministério Agnes. Tentou se encontrar, passando pelo ballet clássico e pela dança contemporânea, mais sentia que faltava algo. Começou a fazer aulas de dança afro por se interessar pelo estilo, pela cultura e pela resistência. Para o Canjerê Mulher, apresentará a performance CORPO FALA!, trazendo a  ideia de que qualquer corpo tem sua fala, independentemente de sons. No trabalho está presente também a força e a importância que esse corpo negro tem em toda sua trajetória até os dias de hoje.

Instituto Cultural Casarão das Artes

O Instituto Cultural Casarão das Artes, registrado em 2014, iniciou suas atividades culturais sem fins lucrativos a partir de 2010. O Instituto teve participação em importantes eventos culturais realizados na cidade, como na Virada Cultural de Belo Horizonte, em 2015 e 2016. Pelos trabalhos que tem realizado, recebeu, em 2016, a medalha Abadafro,  da Instituição  Abadá Capoeira. Também foi agraciado com o selo de Excelência na Promoção da Igualdade Racial, pela Prefeitura de Belo Horizonte, em junho de 2016.  Certa de que a cultura negra se encontra em movimento diaspórico, disperso em várias partes do mundo, a entidade tem efetivado o propósito de estreitar laços de parcerias, dentro e fora do país.

Entrada gratuita. Sujeito à lotação do espaço.

Informations additional

Place:

MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal

Phone

3516-7200

Address

Praça da Liberdade, s/n, Funcionários - Prédio Rosa

Time

19h30

Date

De 23/03 until 23/03

Price:

Entrada Franca. Sujeito à lotação.