18/07/2017 13:40

SESSÃO DO PLANETÁRIO CONVIDA A UMA EXPERIÊNCIA IMERSIVA NO CLUBE DA ESQUINA

Paralela à Rua Goitacazes, Guaicurus cruza com Caetés. Logo mais à frente, atravessando a Contorno, Paraisópolis encontra Divinópolis. E também Bom Despacho, São Gotardo e Dores do Indaiá. Muitas são as ruas da cidade que foram cantadas e imortalizadas nas composições do Clube da Esquina. Em cada uma delas, uma memória: infância, urbanização, boemia, repressão e amizade. A última rendeu música, histórias e o surgimento de um dos principais movimentos artísticos do país.

Para mergulhar nessa história e fazer dela um pouco mais nossa, a exposição Canção Amiga – Clube da Esquinano Espaço do Conhecimento UFMG, traz mais uma novidade: a sessão do Planetário Entre Discos e Esquinas. O público pode assistir à sessão às terças e quintas-feiras, às 14h40; às sextas e aos domingos, às 13h40; e aos sábados, às 13h40 e 19h40.

Unindo músicas como Canção AmigaRuas da Cidade e Clube da Esquina 2, fotografias feitas em Belo Horizonte e animações, o vídeo é uma experiência imersiva na musicalidade do grupo. A produção explorou as potencialidades da exibição no Planetário, em que o público tem uma visão 180º x 360º em formato fulldome.

Canção Amiga é resultado das pesquisas do Centro de Referência da Música de Minas UFMG, um trabalho de pesquisa interdisciplinar que investiga as sonoridades produzidas e em circulação no estado. A exposição ocupa o segundo e o quinto andares do Espaço. Na Fachada Digital, uma projeção exibe depoimentos de artistas do Clube da Esquina. A mostra fica em cartaz até setembro. 

O que é o Clube da Esquina?
Não há um consenso entre pesquisadores sobre o que é, exatamente, o Clube da Esquina. Para uns, são os dois LPs, produzidos em 1972 e 1978 e conduzidos por Milton Nascimento, com a participação de diversos músicos e compositores mineiros. Para outros, trata-se de um movimento mais sistemático, que tem início em Minas Gerais, mas se espalha pelo Brasil e pelo mundo.

As principais características do Clube são os temas das letras das músicas, como amizade, utopia de um mundo melhor, natureza e os espaços rural e urbano, além da singularidade das melodias, das harmonias e dos arranjos. A multiplicidade sonora e a diversidade cultural marcam grande parte do desenvolvimento artístico e a originalidade da trajetória do Clube da Esquina.

Informations additional

Place:

Espaço do Conhecimento UFMG

Address

Praça da Liberdade, 700, Funcionários, BH.

Time

13h40

Date

De 18/07 until 30/09

Price:

Gratuito